11 dezembro 2011

O que eu achei de : Círculo Secreto: A Iniciação - Vol. 1 - L. J. Smith

A história começa quando Cassie se muda da Califórnia para New Salem, depois de passar as férias em Cape Cod, e começa a se sentir estranhamente atraída pelo grupo de jovens que domina sua nova escola. Cassie logo é iniciada no Círculo Secreto, uma irmandade de bruxas que controla a cidade há séculos, numa aventura ao mesmo tempo fascinante e mortal. Ao se apaixonar pelo sombrio Adam, será preciso escolher entre resistir à tentação ou lutar contra forças obscuras para conseguir o que deseja - mesmo que um simples passo em falso possa significar a sua destruição.
   

    Esse é o primeiro livro da série Círculo Secreto, e a minha primeira leitura de L.J.Smith. O livro traz a história de Cassie, uma adolescente que se muda da Califórnia para New Salem toda bruxa é de lá? Mas com essa mudança sua vida toma um outro rumo, ela descobre que é parte de um grupo de bruxas, e que tem esses "pequenos" poderes. No início, da para imaginar a Cassie como uma menina bobinha, que todos irão fazer o que quer com ela. Mas não se engane! A danadinha já estava de olho no namorado da outra... E eu até sei porque hehehehe... Esse é um livro complicado para "mim" resenhar, porque eu sei um pouco mais de coisas por assistir a série da TV, e por começar a ler o livro 2. O livro foi lançado em francês com o título Le Cercle Secret - Tome 2, com aquelas capas americanas estilo Diários de Vampiros.
   Eu não sei se posso falar muita coisa aqui, pois acompanho a série na TV. E eu achei o livro bem introdução a série, quando comecei a assistir não sabia o que Cassie havia feito antes de chegar a New Salem, sabia apenas que sua mãe havia sido morta em um incêndio. Mas ai veio a surpresa do livro, tem muito mais informações que a série.
     Gostei da leitura, apesar de enrolar para acabar de ler, mas para quem quer saber tudo desde o inicio sobre Cassie, Adam, a malvada da Faye, e Diana vale muito a pena. Eu sou suspeita para falar sobre bruxas, gosto bastante, até mais que vampiros.
       A capa está maravilhosa! É como a capa de Fallen, um tipo de emborrachado com letras em alto-relevo. Muito atrativa para pessoas que como eu, adoram uma capa chamativa. Vou deixar as duas capas francesas, eu acho que deve ser as mesmas americanas, e a capa brasileira para o primeiro livro da série inicio do post. Claro, que a capa brasileira dá de goleada!

CAPAS FRANCESAS:




3 comentários:

  1. Gostei da resenha. Bem clara e sincera!
    Ainda não li o livro, mas estou amando assistir o seriado!
    BjO

    ResponderExcluir
  2. A capa é melhor que a americana. Na verdade, as capas da Galera Record tendem a serem melhores que as americanas, fato. Eu fiquei com u mpé atrás com este livro, porque não gosto da autora e nem de Diários do Vampiro. Mas a série é super boa! Vou querer ler o livro, também. A resenha tá ótima ^^
    beijos!

    Rachel Lima
    http://corujando.org

    ResponderExcluir
  3. nunca li o livro mas vejo a série, acho que tem que deixar mais daquela coisa de uma pessoa ser destinada a outra, não gosto disso.

    ResponderExcluir